Follow by Email

domingo, 2 de outubro de 2011

D

4 comentários:

  1. Olá, Tita

    Gostei do poema, um misto da realidade de todos os dias e também um escape num amor lindo...

    Estou a segui-la.

    :)

    Olinda

    ResponderEliminar
  2. Olá Tita,
    Obrigada pela visita.
    Gostei muito do seu domingo em poema.

    Vi que é voluntária no IPO. Este ano, infelizmente, tive no IPO de Lisboa a minha primeira experiência. Fui operada à tiroide em Janeiro no Hospital dos Lusíadas. Correu tudo bem e nada fazia prever o resultado da análise - carcinoma. Fiz iodo radioativo no IPO em Abril e fiquei a ser lá seguida para acompanhamento.
    Às vezes não nos encontramos por acaso. E este caminho da NET tem a particularidade de ajudar a fazer bons amigos.
    Um abraço e volte sempre.
    Teresa

    PS: Não tenho conseguido postar comentários mas parece que desta vai

    ResponderEliminar
  3. Obrigada, Olinda, pelo seu comentário e, por ter, a paciência de me seguir.

    Eu também sigo, diariamente, o seu excelente blog. E, já agora, deixe-me dizer-lhe como apreciei que tivesse nele incluído, com destaque, o poema da Maria. Foi, quanto a mim, um acto que diz muito de si. E tudo o que diz é muito bom...

    ResponderEliminar
  4. Olá Teresa!

    Agradeço-lhe a visita e a sua mensagem do fundo do coração.

    Tenho várias amigas com cancro da tiróide, que fizeram, como a Teresa, o iodo radioactivo, e felizmente todas estão de excelente saúde. A única lembrança desse episódio, é o Letter, que têm que tomar, e o cintilograma que, periodicamente, têm que fazer. De resto, a qualidade de vida é total. Por isso, e pela minha experìência no IPO, tenho para mim, que esse tratamento é, felizmente, muito definitivo e a sobrevivência de 100%.

    De facto, encontrámo-nos nestes caminhos ditos virtuais, quando, tantas vezes nos chamados reais, estamos lado a lado, sem sequer nos vermos. Que bom a tecnologia oferecer-nos esta alternativa.

    Um abraço e vá aparecendo, ok?

    ResponderEliminar